05
Qua, Ago
ptenfres

Governo anuncia nova data de pagamento da primeira parcela

Entrada

x

SEGOV - Governo de Minas - Central de Imprensa

19:26 (Há 7 minutos)

   

para

Governo anuncia nova data de pagamento da primeira parcela O Governo de Minas Gerais informa que a nova data de pagamento da primeira parcela dos salários do funcionalismo público do Executivo Estadual é 18/5 (sexta-feira). A alteração foi necessária tendo em vista a análise preliminar da lista de servidores com supostos acúmulos de função apontados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-MG). As datas referentes às segunda e terceira parcelas permanecem as mesmas, assim como os critérios adotados: - 1ª parcela: 18/5 (sexta-feira);- 2ª parcela: 25/5 (sexta-feira);- 3ª parcela: 30/5 (quarta-feira). * servidores com salário até R$ 3 mil líquidos recebem integralmente na primeira parcela;* servidores com salário até R$ 6 mil líquidos recebem uma parcela de R$ 3 mil e o restante na segunda parcela;* servidores com salário acima de R$ 6 mil líquidos recebem R$ 3 mil na primeira parcela, R$ 3 mil na segunda parcela e o restante na terceira parcela. As forças da Segurança Pública (Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros e Agentes Penitenciários) e servidores da Fhemig não tiveram a data da primeira parcela alterada, conforme anunciado anteriormente. Governo de Minas Gerais

 

O Jornal da Canastra tem se sensibilizado com aquelas amigas que precisam de contratar uma domestica, babá e faxineiras.

Mas ,como não têm tempo de sair procurando,  a direção do Jornal da Canastra quer se tornar um elo entre patroas e domésticas, babás e faxineiras que querem trabalhar.

Contato:

Email:Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Celular: 3431-1101/ +55 (37) WhatSapp - 999577514

 

Por favor, se você quer trabalhar como doméstica, faxineira ou babá, envie por E-Mail, ou por Ligação:

.Nome Completo

.Endereço

.Identidade

.Telefone

.CPF

.Referências de emprego

 

Patroas, deixem seu contato pelo E-mail/Telefone

.Nome

.Telefone

.Endereço

 

Crise, recessão, inflação, reajuste. Em tempos de crise econômica, nos acostumamos ao uso dessas palavras e o significado já foi compreendido. Mas há outros termos da Economia que também estão presentes na vida dos catarinenses, e de uma forma mais direta do que podemos imaginar, segundo o economista de Santa Catarina, Luciano Araújo.

Confira quatro princípios básicos:

1. Pessoas enfrentam tradeoffs

Sabe aquele ditado popular que diz: “Nada é de graça”? Tradeoff define que, para obter algo que desejamos, em geral temos que abrir mão de outra coisa da qual gostamos. Ou seja, tomar decisões exige comparar um objetivo com outro.

2. Custo de oportunidade

É definido como aquilo de que se abre mão para se obter alguma coisa. Cursar uma graduação, por exemplo, exige despesas com livros e alimentação. Mas e o tempo? Para estudar, você abre mão de se dedicar mais ao trabalho e pode perder a chance de ser promovido. Lembre-se: o custo de alguma coisa é o que você desiste para obtê-la.

3. Pessoas racionais pensam na margem

As decisões que tomamos na vida geralmente têm um mínimo de avaliação prévia. Os economistas chamam isso de “alterações marginais”, que são pequenos ajustes incrementais em um plano de ação incremental. Decidiu fazer uma pós-graduação? Para tomar essa decisão, você precisa saber quais os benefícios adicionais que esses anos a mais de estudos irão proporcionar.

4. Pessoas respondem a incentivos

Nossa forma padrão de tomar decisões é comparando os custos e os benefícios de cada uma de nossas ações. Se essas duas variáveis mudam, nosso comportamento também se altera. Por exemplo: se o preço da maçã aumenta e o da banana reduz, as pessoas decidem comprar mais bananas porque o custo de comprar maçãs está maior.

Na nova configuração, o candidato pode escolher até três locais para trabalhar
Rede Ebserh lança concurso com 1.196 vagas para sede e 35 unidades hospitalares


Brasília (DF) – A Rede Ebserh abriu concurso público nacional com 1.196 vagas para 35 hospitais universitários federais, além da sede da estatal vinculada ao Ministério da Educação. A novidade do concurso é o formato, dividido por região. Na nova configuração, o candidato pode escolher até três opções de unidades da Rede Ebserh para sua lotação. O edital foi publicado hoje (22) no Diário Oficial da União. As inscrições para as áreas assistencial e administrativa se iniciam no dia 26 de março e no dia 27 para médicos. O prazo para todos se encerra no dia 10 de abril.

São 339 vagas para médicos de 83 especialidades como anestesiologia (13), cirurgia pediátrica (13), medicina intensiva (18), neonatologia (13) e clínica médica (9), dentre outras. Na área assistencial são 713 vagas, incluindo 137 enfermeiros e 413 técnicos em enfermagem. Na área administrativa são 144 vagas, incluindo 75 assistentes administrativos, 11 analistas de tecnologia da informação e 11 técnicos em contabilidade.

O concurso, realizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/Cebraspe), servirá principalmente para a reposição dos cargos que estão vagos e já esgotaram o cadastro de reserva nos certames anteriores promovidos para cada uma das unidades. Os aprovados serão contratados sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Em todo o território nacional, a Rede Ebserh já conta com mais de 25 mil empregados, tornando-a a quinta maior estatal do país.

Para o presidente da Rede Ebserh, Kleber Morais, a força de trabalho comprometida e qualificada proporciona aos hospitais da Rede os avanços e melhorias necessários para um atendimento de saúde de qualidade, aliado ao ensino e à pesquisa. “Por sermos uma rede de hospitais de ensino, temos um compromisso de formar com excelência profissionais de saúde, além de oferecer uma assistência médica para a população mais carente do nosso país”, salientou.

Acesse os editais normativos no site da Ebserh.

Sobre a Ebserh

Mais Artigos...

Subcategorias

Festival de Dança de Bambuí