07
Sáb, Dez
ptenfres

Ferramentas

A mandioca é nativa da América do Sul e o cultivo se dá no Brasil todo. No município de Santa Maria da Serra, no Centro-Oeste de SP, ela é o sustento de muitas famílias. O melhor período para o plantio é nos meses mais frios do ano.

O agrônomo Alexandre Bortoloto explica que a mandioca de mesa exige mais cuidados do que a destinada à produção de farinha. As épocas de plantio e de colheita precisam ser respeitadas.

Enquanto a mandioca de mesa tem que ser colhida entre um ano e um ano e meio para preservar a qualidade, a mandioca para farinha pode ficar na terra por bem mais tempo.

Magno Della Coletta é um dos principais produtores da região. Ele cultiva a raiz há 20 anos e produz em média mil toneladas de mandioca de mesa por ano. O negócio prosperou tanto que ele montou uma fábrica de beneficiamento, onde trabalham 80 funcionários.

A mandioca é picada no tamanho padrão e lavada. Além disso, a casca é retirada para facilitar o trabalho da dona de casa, o que acaba agregando valor ao produto.

Outra fábrica instalada no município trabalha com produção de farinha de mandioca do tipo biju. A empresa processa em média 50 toneladas de mandioca por dia, que rendem aproximadamente 15 mil quilos de farinha a cada 24 horas. No final do ano, os pedidos aumentam e o volume de trabalho cresce bastante.

Festival de Dança de Bambuí