26
Sáb, Mai

Ferramentas

Crise, recessão, inflação, reajuste. Em tempos de crise econômica, nos acostumamos ao uso dessas palavras e o significado já foi compreendido. Mas há outros termos da Economia que também estão presentes na vida dos catarinenses, e de uma forma mais direta do que podemos imaginar, segundo o economista de Santa Catarina, Luciano Araújo.

Confira quatro princípios básicos:

1. Pessoas enfrentam tradeoffs

Sabe aquele ditado popular que diz: “Nada é de graça”? Tradeoff define que, para obter algo que desejamos, em geral temos que abrir mão de outra coisa da qual gostamos. Ou seja, tomar decisões exige comparar um objetivo com outro.

2. Custo de oportunidade

É definido como aquilo de que se abre mão para se obter alguma coisa. Cursar uma graduação, por exemplo, exige despesas com livros e alimentação. Mas e o tempo? Para estudar, você abre mão de se dedicar mais ao trabalho e pode perder a chance de ser promovido. Lembre-se: o custo de alguma coisa é o que você desiste para obtê-la.

3. Pessoas racionais pensam na margem

As decisões que tomamos na vida geralmente têm um mínimo de avaliação prévia. Os economistas chamam isso de “alterações marginais”, que são pequenos ajustes incrementais em um plano de ação incremental. Decidiu fazer uma pós-graduação? Para tomar essa decisão, você precisa saber quais os benefícios adicionais que esses anos a mais de estudos irão proporcionar.

4. Pessoas respondem a incentivos

Nossa forma padrão de tomar decisões é comparando os custos e os benefícios de cada uma de nossas ações. Se essas duas variáveis mudam, nosso comportamento também se altera. Por exemplo: se o preço da maçã aumenta e o da banana reduz, as pessoas decidem comprar mais bananas porque o custo de comprar maçãs está maior.

Festival de Dança de Bambuí

Banner quadrado - I
Banner Quadrado - 1
Banner Quadrado - II
Banner quadrado - 2
Banner Quadrado - III
Banner quadrado - 3
Banner Quadrado - IV
Banner Quadrado - 4
Banner Quadrado - 5